Netflix para iniciantes

Olá, vou estrear dando 2 dicas muito simples sobre um treco chamado NETFLIX. Mas antes, você sabe o que é o NETFLIX??? O Netflix é um serviço de vídeo sobre demanda, que pode ser acessado através de computadores, SMART TV, iPad, iPhone, iPod Touch e SmartPhones com Android e até videogames. O 1º mês de assinatura é GRÁTIS, mas é necessário colocar os dados do seu cartão de crédito. ray ban homme pas cher CUIDADO, caso você não queira continuar deve cancelar a assinatura antes de completar 30 dias, senão será efetuado o débito em seu cartão!

Netflix
Netflix em casa
A utilização do Netflix é simples, seu catálogo não é o mais atualizado que existe mas certamente é melhor que TV aberta. fjällräven kånken Klassiska Lá você pode encontrar desde filmes como Pulp Fiction até novelas mexicanas como A Usurpadora. Se você tiver paciência e souber garimpar vai encontrar coisas interessantes. New Balance Pas Cher Vou parar de enrolar e vamos as dicas: 1º Resolução dos vídeos: A contrário do que nós usuários pensaríamos, a QUALIDADE do vídeo não é configurada em seu aparelho, mas sim na própria pagina do NETFLIX. Primeiro você deve logar na sua conta na página do NETFLIX, por qualquer navegador, clicar em SUA CONTA, no canto direito superior, depois em Gerenciar qualidade de vídeo e escolher entre as 3 opções disponíveis: Boa qualidade (até 0.3 GB por hora), Melhor qualidade (até 0,7 GB por hora) e Qualidade superior (até 1 GB por hora ou até 2,3 GB por hora para HD). goedkoop nike air max 2017 A escolha deve ser feita com base na velocidade do seu link de internet. Por padrão ele vem configurado na pior qualidade para poder funcionar com qualquer velocidade de internet. mochilas kanken mini 2º Legendas e Idiomas do NETFLIX no Apple TV: Apesar do controle do AppleTV ser um exemplo de simplicidade, funcionalidade e bom gosto, as vezes sinto falta de 1 ou dois botões extras.

Dijit e Beacon

Olá pessoal, Vou estrear o Tecnotrecos escrevendo sobre um treco que “ganhei emprestado” de um amigo, o Griffin Beacon. Eu fui visitá-lo e na saída ele pegou uma caixinha numa pilha de outros trecos e diz: “Testa isso aí, vc vai adorar”. É um Beacon, um produto da Griffin. Segundo eles dizem. é : “The most powerful, easiest-to-use universal remote control… ever.” Será? Razoávelmente pequeno, com boa aparência, sexy e com cara de quem promete grandes coisas. Alguns trecos são assim, só de olhar já dá vontade de usar. Olha ele aí… Vc controla ele por bluetooth e ele controla os trecos por IR.

Griffin Beacon Device
Griffin Beacon Remote IR
  Não tem um botão sequer. Na verdade, o seu “cabeção”, a parte de cima avermelhada, como a tampa dos controles remotos, é um grande e único botaozão. Nem para desligar. Movido a 4 pilhas AA, ele desliga sozinho depois de um tempo. Para ligar basta usar (nem sempre…) A idéia é a de usar ele para controlar todos os trecos que você tem em sua sala, ou quarto, ou qualquer lugar, a partir do seu dispositivo iOS. Isso quer dizer ele, combinado com um iPhone, iPad ou iPod Touch, pode controlar sua TV, TV a Cabo, DVD, VHS, AppleTV e todo e qualquer dispositivo (treco) que possua controle remoto por infravermelho. Para funcionar você precisa baixar um software grátis na Apple Store, o Dijit, que permite que você faça a programação dos botões, programe rotinas e consulte a programação, mas apenas nos EUA e Canadá. Uma pena não ter a programação brasileira. Mesmo assim, é possível usar e uma vez programado certinho, vc pode substituir com vantagens aquele monte de trequinhos que são os horríveis controles remotos de todas as coisas. Digo horríveis porque em sua maioria são grandes, cheios de botões complicados e difíceis de usar no escuro do ambiente. Talvez eu seja pobre e não compre os trecos mais caros… talvez, mas a verdade é que todos os meus controles remotos, exceto o da AppleTV, são horríveis de usar no escuro. Cheguei em casa animado e minha mulher fez aquela cara de “ih!… danou-se… hoje não vou ter paz na frente da TV e isso vai longe!!!!”. Ela tinha toda a razão! Como não tem botão e apenas um pequeno led azulzinho em uma das pontas triangulares do seu topo, levei uns 10 minutos apenas para ter a certeza de que as pilhas que estavam no aparelho estavam fracas. Ele é como uma Esfinge… decifra-me ou devoro-te… fica ali paradão e não te diz nada. Futuca daqui, aperta dali, tira e põe pilhas até finalmente ver o ledizinho piscar meio fraquinho. Parti para a captura de pilhas novas na gaveta das pilhas. É sempre a mesma estória . Se vc precisa de pilhas AA, só tem AAA. Se vc precisa de AAA, as palitinhos, só tem AA. O mesmo vale para o roubo de pilhas, quando precisa de um tipo, vc só acha trecos com o outro tipo. Murphy TOTAL. Consegui reunir 4 pilhas boas (tive que medir com um multímetro, acreditam?) e finalmente o ledizinho azulzinho piscou com segurança indicando que o aparelho estava pronto para o pareamento bluetooth. Pareamento bluetooth é sempre uma coisa que chateia. Uns trecos pedem senha, outros não. Uns são teimosos, outros não… Talvez por isso a tecnologia não tenha decolado como eles queriam, ela exige sempre uma vontade forte (para dizer o mínimo) do usuário. Syncou! sem senha nem nada e o Beacon apareceu pareado no meu iPhone. Fase 1 concluída. Teria sido mais rápido se eu chegasse com 4 pilhas zero bala. Com o treco syncado, partimos para a tarefa de fazer ele conversar com os trecos que ele vai controlar. No meu caso uma TV Panasonic, o aparelho da NET e um Apple TV. Nada muito difícil, mas também não é fácil. Começando pela TV ele faz uma rotina de testes para tentar reconhecer sozinho o seu aparelho. Até aí tudo bem, o problema é que mesmo que vc tenha sucesso na rotina de reconhecimento, ele retorna dizendo que tem uns 6 setups de controle para vc escolher. Isso é confuso… qual? No meu caso todos funcionaram e demorei um tempo para escolher um. Depois eu me perdi tentando reproduzir a totalidade do controle remoto no iPhone, o que é uma bobagem. Para as coisas complicadas vc deve usar o controle original mesmo. No iPhone o mais correto é deixar apenas as coisas mais usadas, arrumando de maneira simples e direta estes botões. Ufa! Consegui botar a TV funcionando bem e minha mulher já engatava o segundo sono. Começando as 21:30h, já era quase meia noite. Mais confiante e esperto, passei para o segundo treco, o controle da NET. Aí o problema foi descobrir qual era o fabricante da caixinha, pois NET é que não é. Tive que ir procurar revirando o box, sempre ruim de fazer com os cabos presos, até descobrir que no quarto a caixinha é fabricada pela Pace. Sem muitos detalhes, de propósito, pois a NET não tem interesse em passar informações que ajudem aos hackers a quebrar a codificação do sinal ou ainda desviem para gravações não autorizadas. Infos sobre estas caixinhas de tv a cabo é coisa difícil de achar, coisa para blog de hackers mesmo, indecifráveis. Uma vez localizado o fabricante e fazer a rotina de testes foi pá pimba. Ele me ofereceu uns 3 setups, eu escolhi o primeiro como base e depois modifiquei um pouco, simplificando. Fim da fase 2. O AppleTV foi o mais fácil, mesmo com eles complicando e chamando o AppleTV de “Apple Media Player”. Que saco! Pra que isso? Como o AppleTV só tem 3 botões, foi moleza. Com todo este sucesso, ainda não era nem 1 hora da madrugada, passei aos testes. Soldes Asics 2017 Na falta de um lugar legal bem em frente aos trecos, coloquei o Beacon na frente da TV, bem apertadinho, fazendo um angulo ingrato tanto para a TV como para a caixinha da NET. Mas ele não se incomodou com isso não, mandou ver, controlando sem problemas todo mundo. Nesta hora deu vontade de acordar a mulher para mostrar, mas não pareceu impressionante o suficiente para me livrar de um esporro. Ainda estava na fase do “grandes m*erda, nada demais”. Prossegui para a parte mais divertida que é a de programar os comandos em sequencia, que eles chamam de activities. Goedkope Nike Air Max 2017 Dame Fiz um activity chamado “Ver TV”. E o que ele faz? Moleza, primeiro ele liga a TV e a NET, espera um pouco e dá o ENTER no aparelho da NET, para tirar daquela tela de programação que sempre entra quando liga. E, como temos lá em casa o hábito de começar pela GloboHD, vai lá para o canal 502. Nesta programação você pode criar um novo ambiente, com botões misturados de todos os aparelhos que fazem parte da programação, muito legal. Na hora de desligar ele desliga tudo também, de uma vez só. Feliz da vida descobri que você pode deixar programados vários ambientes e carregar o Beacon para outros lugares. Vc leva ele para sala, avisa prá ele que ele está na sala e ele controla as coisas da sala. goedkoop nike air max 2016 Só que na sala eu me dei mal… pois não consegui fazer com que ele controle direito a minha TV Gradiente de Plasma, um pouco mais antiga, e nem o meu receiver Sony, este bem mais antigo. Na TV ele primeiro não conhece a marca Gradiente, :-(. Para estes casos o Beacon tem a função “aprender”, quando vc usa o controle original para ensinar. Mas ele ficou burrinho e não aprendeu nem a pau! O botão de ligar, por exemplo, ele aprendeu só a ligar, mas não desliga. Depois não há como passar para HDMI->Componente->AV e etc. com um comando só… tem que abrir uma telinha e ir subindo, enfim, improgramável. Neste caso a culpa é mais da TV, as o resultado é que na sala não funcionará nunca. No receiver ele até que começou bem, mas metade das funções funciona e a outra metade ele diz que faz mas não faz, diz que aprende mas não aprende… As 2 e pouco da madruga a profecia da minha mulher se concretizou. Enchi o saco ligando e desligando, me mexendo na cama, e acabei tarde da noite. E não acordei ela para mostrar, preferi deixar para o dia seguinte. Conclusão: Pelo preço, 70 dólares, vale a pena a brincadeira. Sistemas de automação melhores são também muito mais caros. Depois de programado é muito gostoso de usar, principalmente no iPad, pois a superfície de controle é enorme. Como é bluetooth não precisa apontar para os aparelhos. Mas existem limitações que vou listar: 1 – os trecos tem que ser todos IR. Na sala, para piorar, o PS3 ficaria fora, pois é bluetooth. fjallraven kanken soldes 2 – Os trecos que serão controlados tem que ser preferencialmente recentes. New Balance Homme Digo isso porque a TV e o receiver, justamente os mais velhos, apresentaram mais problemas. Embora um velho VHS Toshiba tenha funcionado super bem. 3 – O primeiro treco de controle que entra no ambiente com o bluetooth ligado e que tenha sido pareado, pega o Beacon para ele. Isso é chato. Imagine que vc programe o iPhone da sua esposa e ela chega primeiro no quarto… babou, o controle vai para o iPhone dela e não o seu. 4 – Verifique se você tem onde colocar ele, com visada para os IR’s todos. Se bem que ele se esforça e faz um excelente trabalho em posições difíceis. 5 – Nem tudo será possível de automatizar, pois é dependente das características dos próprios aparelhos, de seus softwares. 6 – O guia de programação da Dijit não funciona no Brasil Repetindo, vale o custo. Se você já tem o dispositivo para controle, um iOS (funciona com Android mas não em todos), é uma diversão tanto botar para funcionar como usar mesmo. E os controles tradicionais continuam funcionando, ou seja, nada se perde.